Eu era uma boa pessoa com um bom coração.
Cartas dos Derrotados.   (via romeuemcrise)
Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 38,931 notes | reblog this post
(originally romeuemcrise / via romeuemcrise)
Depois da Revolução Industrial convencionou-se dizer que a máquina está roubando o lugar do homem. Mas eu discordo. Nós é que agimos errado, já que colocamos, uns nos outros, um botão de liga e desliga: o horário de trabalho.
Confidente do Íntimo  (via oxigenio-dapalavra)
Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 152 notes | reblog this post
(originally oconfidentedointimo / via w-welfare)

Bate a mão no peito caralho e se orgulha de si próprio, honre a dor que sua mãe sentiu no parto

Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 2,418 notes | reblog this post
(originally wajestade / via w-welfare)

Só quem é das antigas sabe que a maioria das url’s tinham “sociedade”, “poeta” ou “vodka”

Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 618 notes | reblog this post
(originally ascronicasdewesley / via just-laugh-and-relax)
Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 6,086 notes | reblog this post
(originally manabrown / via w-welfare)
Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 5,506 notes | reblog this post
(originally ohseducao / via w-welfare)

Querida = pessoa amada. Queridinha = barraco.

Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 9,000 notes | reblog this post
(originally um-vampiro-rockeiro / via w-welfare)

Rir até a barriga doer é uma das melhores coisas do mundo. Como se a felicidade estivesse transbordando.

Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 21,267 notes | reblog this post
(originally resurgiu / via pudimdodean)
Posted 30 August 2014, 2 weeks ago | 40,071 notes | reblog this post
(originally yaraitzel9 / via acumulou)

C r é d i t o s

Theme por late-to-write . Detalhes de originais de m-a-r-e-s-i-a,the-dreamgirl, meiopasso e biasemcriatividade
Não retire os créditos, tome vergonha na cara.
« 2 3 4 5 6 »
"De almas sinceras a união sincera
Nada há que impeça: amor não é amor
Se quando encontra obstáculos se altera,
Ou se vacila ao mínimo temor.
Amor é um marco eterno, dominante,
Que encara a tempestade com bravura;
É astro que norteia a vela errante,
Cujo valor se ignora, lá na altura.
Amor não teme o tempo, muito embora
Seu alfange não poupe a mocidade;
Amor não se transforma de hora em hora,
Antes se afirma para a eternidade.
Se isso é falso, e que é falso alguém provou,
Eu não sou poeta, e ninguém nunca amou.
William Shakespeare
I’ve been in love. It’s painful and pointless and overrated.